13º Aniversário & Juramento Compromisso do 6º Curso TAT

20-10-2006 20:29

 

No passado dia 15/10/2006, o nosso núcleo fez 13 anos de vida (15/10/1993). A efeméride foi assinalada com um dia de festa com imensas prendas. Por um lado, a Unidade de Socorro recebeu 26 novos Socorristas e por outro o Núcleo inaugurou as salas que necessitava das obras de restauro e ampliação das actuais instalações do Núcleo.

Estes novos Socorristas, constituídos por 3 Enfermeiros, alguns estudantes universitários e os restantes com escolaridade obrigatória, foram formados por Monitores "da casa", como o Dr. Fernando Moura, Florêncio Leão, António José Pereira,Vera Neto, Natalina Coelho, Paulo Sequeira, Filipe Rocha, Pedro Moreira e o Bombeiro dos B.V. de Freamunde Nuno Brito. Os novos alistados completaram com distinção o Curso de Socorrismo da Cruz Vermelha, sendo tripulantes de ambulância TAT e com os conhecimentos necessários sobre as restantes áreas que compõem o Curso TUS, como a Ordem Unida, História da Cruz Vermelha, Luta contra fogo, Topografia, Comunicações e Logistica, Socorro em Portugal.

A cerimónia decorreu no Adro da Capela de S.Brás com a formação de 4 Pelotões; Bandeiras dos Núcleos, Socorristas, Novos Alistados e Corpo da Juventude. O Presidente do Núcleo na sua alocução, elogiou a união entre todos, o sacrifício e a qualidade dos Socorristas da CVP, relatou o cumprimento de todas as exigências na escolha e plano de obras; e agradeceu ao Estado, Autarquia, Junta de Freguesia de Frazão e Beneméritos, todos os donativos e apoio que têm dado ao Núcleo.

Após o incentivo do Presidente da Junta de Freguesia, Sr. Luís Jorge e o discurso interno da Presidente da Delegação do Porto, Dr.ª Otília Neves; encerrou a cerimónia o Vereador da Protecção Civil, Dr. Joaquim Pinto que elogiou o trabalho do Presidente do Núcleo, Arq. Firmino Meireles e os Socorristas. comprometendo-se pela C.M.P.F. a criar condições para que o Núcleo possa instalar um elevador que cumpra a legislação para defecientes motores e acabar as obras.

Os Pelotões seguiram em marcha até às Instalações do Núcleo, aonde assistiram no exterior, à implantação da Tenda Insuflável para apoiar o Socorro em situações de catástrofe, tendo ficado ressaltado a necessidade de uma nova ambulância e reboque para que se forme uma Unidade Móvel de Apoio ao Socorro no Município de Paços de Ferreira.

Após esta demonstração da excelência deste Núcleo na panorama do Socorro ao nível nacional, foram inauguradas as salas objecto do plano de ampliação e restauro como a sala dos socorristas, do Comando e do novo Salão Nobre, pelo Presidente da Câmara Municipal Pedro Pinto que elogiou a capacidade e pujança deste Núcleo na figura do seu Presidente.

Finalmente, a inauguração do novo espaço da Cave que foi feita pelos Socorristas (novos e veteranos deste e doutros Núcleos) Padrinhos, Dirigentes e Convidados à volta de uma excelente feijoada (feita pelos socorristas da casa) e um porco no espeto de criar água na boca; com muito convívio até à noite.

Texto retirado da "Gazeta de Paços de Ferreira" de 19 Outubro 2006