Acidente com nossa ambulância

15-04-2011 17:01

Uma ambulância da delegação de Frazão da Cruz Vermelha Portuguesa capotou, na manhã desta quinta-feira, depois de ter sido tocada por um camião. No interior da viatura, que seguia com as sirenes ligadas, estavam dois socorristas e uma idosa que, momentos antes, tinha caído enquanto fazia fisioterapia numa clínica de Paços de Ferreira. Os dois primeiros escaparam ilesos, mas a mulher de 79 anos teve de ser transportada para o Hospital Padre Américo, em Penafiel, onde foi sujeita a alguns exames que confirmaram, apenas, ferimentos ligeiros.

Delegação fica em dificuldades com menos uma ambulância

O acidente aconteceu pelas 11h30, na Estrada Nacional 15, quando a ambulância circulava, no sentido Paredes – Penafiel, em direcção ao Hospital. Com as sirenes a assinalar a marcha de urgência, o condutor começou a ultrapassar um camião que seguia na sua frente, mas o pesado não se apercebeu e, num cruzamento que dá acesso à Zona Industrial de Penafiel nº 1, virou à esquerda.

A manobra do camionista fez com que o pesado atingisse a ambulância que, imediatamente, ficou descontrolada. A viatura da delegação de Frazão da Cruz Vermelha Portuguesa subiu, então, uma berma em terra e, depois de bater num poste de electricidade, capotou em plena via.

Os dois socorristas que seguiam na ambulância não tiveram qualquer ferimento e nem precisaram de dar a entrada no hospital situado a menos de um quilómetro de distância. Já a mulher de 79 anos, que estava a ser transportada para o Serviço de Urgência para ser tratada a um corte na cabeça provocado por uma queda na sessão de fisioterapia, esteve durante algumas horas em observação médica.

A delegação de Frazão da Cruz Vermelha Portuguesa tinha três ambulâncias, a última das quais comprada há dois anos. E foi precisamente esta viatura que, ontem, ficou parcialmente destruída. “A ambulância vai-nos fazer muita falta”, lamentou fonte da delegação.

in.:www.verdadeiroolhar.pt